Indivíduo é preso pela PM após roubar e fazer mãe e filha de 5 anos reféns

Em patrulhamento de rotina por volta das 00h20 desta quarta-feira(31), policiais militares foram informados via Copom sobre um roubo de veículo Fiat/Punto, de cor preta, ocorrido na rua Amélia dos Anjos de Oliveira, em Embu das Artes.

As características do criminoso também foram descritas, ele estaria usando camisa de moletom verde e bermuda, com detalhe para a barba e uma mancha no rosto.

Os policiais passaram a diligenciar com atenção e na Estrada do Embu, próximo a uma pizzaria já na circunscrição de Cotia, visualizaram um indivíduo cujas
características se equiparavam com as que foram passadas via rede. O suspeito estava numa calçada e quando tentaram a abordagem, o então suspeito tentou empreender fuga, sendo contido.

Procedida a abordagem, nada de ilícito foi encontrado em seu poder, e este apresentou documento em nome de D.M.L.F., de 22 anos, residente em Embu das Artes. Indagado sobre o roubo de veículo ocorrido em Embu, o indivíduo prontamente confirmou que ele havia sido o autor, indicando aos policiais o lugar onde o carro estava abandonado, na Rua Mato Grosso, no Jd Tomé, em Embu das Artes.

Uma outra viatura de apoio da polícia militar foi até o local e encontrou o carro roubado, o qual não apresenta avarias aparentes. O próprio preso indicou onde residia e levou os policiais até lá, indicando onde tinha deixado as sacolas de compras da vítima, que ele retirou do porta malas.

Foi efetuado contato com a vítima e ela foi até o local onde o veículo foi localizado, onde visualizou a fotografia do indivíduo e prontamente o reconheceu como autor do crime. Segundo a polícia, a moça sofreu gravíssimas ameaças e teria sido agredida.

Diante os fatos, considerando que a abordagem ocorreu na comarca de Cotia, embora todos os fatos tenham ocorrido em Embu das Artes, os policiais militares conduziram vítima e o autor até o DP de Cotia, onde foi dada ciência à Autoridade Policial de plantão, que diante dos fatos, ratificou a voz de prisão dada, uma vez que a confissão, a indicação do local de abandono do veículo, o reconhecimento por parte da vítima e a localização de pertences da vítima na residência do indiciado, eram fortes elementos probatórios de autoria do crime.

O delegado determinou o registro do Boletim de Ocorrência de nº 798/2018, de prisão em flagrante por “Roubo circunstanciado por emprego de arma de fogo e restrição da liberdade das vítimas” (art. 157, § 2º, I e V, do Código Penal), representando por cautela, pela conversão da prisão em flagrante em prisão preventiva do indiciado,

O roubo
A vítima, uma mulher de 30 anos, contou detalhadamente que tinha sido roubada e arrebatada às 17h10 de ontem, e teria permanecido como refém por cerca de uma hora e meia, junto de sua filha de apenas cinco anos de idade. O roubador permaneceu circulando pelo município de Embu das Artes e utilizou droga enquanto dirigia, subtraiu o aparelho celular da vítima, R$ 120,00 em dinheiro e as sacolas de compras que estavam no porta malas.

Em determinado local ele parou e desceu do carro, oportunidade em que as vítimas conseguiram fugir e pedir ajuda.

Em local apropriado, ela formalmente reconheceu D.M.L.F. como autor do crime. Ele, por sua vez, ciente de seus direitos constitucionais, inclusive de permanecer em silêncio, admitiu o roubo, bem como disse que após esse crime, inclusive, participou de um roubo a ônibus coletivo no município de Embu das Artes.

Atendeu a ocorrência a viatura M-33312, SD Ferreira e SD Silva Júnior, com apoio de demais viaturas.

Foto: Fau Barbosa

Fonte: Portal Viva Cotia

Comments

comments

Inline
Inline