Mãe denuncia negligência em hospital após perder bebê durante o parto em Carapicuíba

Edileuza deu entrada no Hospital Geral de Carapicuíba (SP) para ter seu filho, mas saiu da unidade direto para a delegacia.

Segundo a família Edileuza deu entrada no hospital sem dores e os médicos aplicaram medicação para induzir o parto às 18:00 da tarde desta segunda-feira (07/08), começaram as contrações e a expectativa da equipe médica era por um parto normal.

A mãe conta que o bebê não estava encaixado. A cada duas horas eram feitas as novas tentativas e sem conseguir acesso ao bebê os médicos ministravam mais medicações, foi onde a mãe viu que não dependia dela. Edileuza chegou a escutar que precisava se esforçar mais, falavam que ela estava com frescura e que eu não estava fazendo força. Foi quando ela foi levada para o chuveiro quente e passou uma hora onde a mãe ja desesperada dizia: “Pelo amor de Deus moça não deixa acontecer nada com meu bebê”.

A decisão pela cesariana só teria acontecido quase 19 horas depois dela dar entrada  na maternidade, foi quando a equipe médica percebeu que os batimentos do bebê já estavam fracos e acabou falecendo.

 

Comments

comments

Inline
Inline