Vargem Grande Paulista tem aumento em casos de estupro em 2017

Os casos de estupro em Vargem Grande Paulista tiveram um salto em 2017 comparados com 2016, de acordo com os dados da Secretaria de Segurança Pública.

Em 2016 até maio haviam sido registrados 3 casos no município, já este ano em comparação do mesmo período os casos aumentaram para 11, sendo 5 deles contra vulnerável, o aumento foi de 250% no índice, ultrapassando até mesmo todo o ano de 2016 que foram registrados 10 casos.

O número deste crime pode ser ainda maior, visto que muitas pessoas ainda tem medo de fazer a denúncia.

Houve também um aumento no número de roubos de veículos, isto é quando há emprego de força contra a pessoa, os dados comparados até o mês de maio, em 2016 houveram 28 casos já em 2017 foram 32.

Abaixo o quadro de criminalidade do município.

Este ano foi feto um levantamento pela globo, onde mostra que a policia civil funciona sem 1/4 do seu efetivo, sendo justificado  pelo Governador Geraldo Alkmin devido as mudanças nas regras de aposentadoria.

“Nós perdemos policiais primeiro porque o Congresso Nacional aprovou uma lei absurda há dois anos atrás, quando a população está vivendo mais, diminuindo a expulsória de 70 para 65 anos de idade. A lei é tão absurda que um ano depois mudou”, afirmou.

Segundo ele, apesar de ter sido revogada, a lei fez com que o quadro da Polícia Civil perdesse 1700 agentes. “A lei é tão absurda que um ano depois mudou, mas quem saiu não pode voltar mais. Já foi corrigido, mas perdemos”, explicou o Governador.

 

Comments

comments

Inline
Inline